Ex-chefe de inteligência militar diz que a Venezuela mandou dinheiro para Lula

O ex-chefe de inteligência militar chavista, Hugo Armando Carvajal Barrios, conhecido como Pollo Carvajal, afirmou que a Venezuela financiou partidos e políticos de esquerda da América Latina.

Carvajal, que foi preso no mês passado, em Madri, e era considerado o fugitivo mais procurado dos Estados Unidos por tráfico de drogas, lavagem de dinheiro e colaboração com as forças armadas revolucionárias da Colômbia, as FARC, deu a declaração à justiça espanhola por meio de uma carta enviada ao juiz Manuel García-Castellón.

No documento endereçado à Justiça espanhola, ele relata em detalhes como era o envio de dinheiro à Espanha durante a criação do partido de esquerda Podemos. Segundo Carvajal, os valores foram transportados para a Europa por meio de malas diplomáticas, um sistema oficial de correspondência entre governos e o corpo diplomático no exterior e que não permite violação.

Carvajal  cita como exemplos “concretos” de beneficiados pelo esquema de financiamento: o ex-presidente brasileiro Luiz Inácio Lula da Silva; Néstor Kirchner, na Argentina; Evo Morales, na Bolívia; Fernando Lugo, no Paraguai; Ollanta Humala, no Peru; Zelaya, em Honduras; Gustavo Petro, na Colômbia; Movimento Cinco Estrelas, na Itália; e o partido Podemos, na Espanha.

Até o momento, Carvajal continua preso na Espanha e sua extradição para os Estados Unidos é negociada.

Categorias:Américas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.