China constrói ‘lua artificial’ para testar gravidade

China constrói ‘lua artificial’ para testar gravidade

Cientistas chineses construíram uma instalação de pesquisa de “lua artificial” que supostamente lhes permitirá simular ambientes de baixa gravidade. 

A instalação, programada para ser lançada oficialmente este ano, usará poderosos campos magnéticos em uma câmara de vácuo de 60 centímetros de largura para fazer a gravidade “desaparecer”.

Os cientistas foram inspirados por Andre Geim, físico da Universidade de Manchester, no Reino Unido, que fez um sapo levitar com um ímã.

Li Ruilin, engenheiro da Universidade de Mineração e Tecnologia da China, disse ao South China Morning Post (SCMP) que a câmara é “a primeira desse tipo no mundo” e que poderia sustentar condições de baixa gravidade “enquanto você quer.”

Os pesquisadores usarão a instalação para testar tecnologias em ambientes prolongados de baixa gravidade antes de serem enviados para a lua real, onde a gravidade é apenas um sexto de sua força na Terra.

Isso permitirá que eles consertem quaisquer problemas técnicos e testem se certas estruturas sobrevivem na Lua , além de avaliar a viabilidade de um assentamento humano lá.

“Alguns experimentos, como um teste de impacto, precisam de apenas alguns segundos [no simulador]”, disse Li, relatou o SCMP .

“Mas outros, como o teste de fluência, podem levar vários dias”. 

Um teste de fluência mede a taxa de deformação de um material sob temperatura ou tensão constante.

A China declarou que planeja estabelecer uma estação de pesquisa lunar até 2029. *i24News

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: