Japão cobra reforço de disciplina de membros das forças norte-americanas situadas no país

O governo japonês requisitou que as forças norte-americanas lotadas no país reforcem suas medidas de disciplina, em resposta à prisão de um soldado americano na província de Okinawa, no sul do Japão, sob suspeita de dirigir embriagado.

O soldado, que estava lotado junto ao Corpo da Marinha dos EUA na Base de Hansen, em Okinawa, foi preso na segunda-feira. Posteriormente, ele acabou sendo liberado. A base em questão tem observado grandes focos de infecção do coronavírus.

Na quarta-feira, o diretor-geral do escritório de Assuntos da América do Norte do Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão, Ichikawa Keiichi, expressou lamentar o ocorrido, ao falar com o comandante das forças norte-americanas no Japão, o tenente-general Ricky Rupp. Ichikawa instou os Estados Unidos com veemência a reforçar as medidas de disciplina e a evitar a recorrência deste tipo de incidente.

Ichikawa também pediu que as forças norte-americanas no Japão reforcem medidas contra o coronavírus tendo em vista indivíduos com alto risco de infecção, incluindo medidas como restrição de circulação dentro e fora das bases. O governo provincial de Okinawa também vem buscando implementar algo parecido.

O secretário-chefe do Gabinete do Japão, Matsuno Hirokazu, disse que os Estados Unidos informaram o lado japonês que, até a manhã de quarta-feira, um total de 215 pessoas na Base de Hansen, havia tido a infecção por coronavírus confirmada. *NHK

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: