Taiwan diz que China enviou aviões e navios para perto da ilha

© AP Photo / Johnson Lai

O Exército de Libertação Popular (ELP) da China enviou 11 aviões e 6 navios militares para perto de Taiwan, comunicou o Ministério da Defesa de Taiwan no Twitter.

De acordo com ele, a China enviou dois caças J-11, dois J-16, dois J-10, quatro Su-30 e um avião de detecção por radar de longo alcance KJ-500 para a zona de identificação de defesa aérea (ADIZ, na sigla em inglês) de Taiwan.

O ministério acrescentou que Taiwan enviou uma patrulha aérea e ativou sistemas de mísseis antiaéreos para monitorar a situação.

Além disso, um total de 13 aeronaves da China atravessou a linha mediana do estreito de Taiwan no sábado (13), anunciou ele.

As ações vêm em meio às atividades militares chinesas em torno de Taiwan, que seguem a recente visita ao território de Nancy Pelosi, presidente da Câmara dos Representantes dos EUA. A China advertiu antes de sua passagem que responderia firmemente no caso de ela acontecer, que vê como intromissão nos seus assuntos internos.

Também no sábado (13), Taipé agradeceu a Washington pelo que disse serem “ações concretas” para manter a segurança e a paz no estreito de Taiwan e na região. Na sexta-feira (12) os EUA anunciaram que na semana seguinte conduziriam trânsitos aéreos e marítimos no estreito de Taiwan e que estão elaborando um “roteiro comercial ambicioso” para o território.

A China considera Taiwan, cuja independência nunca reconheceu, uma província renegada que um dia se reunificará com o continente, não excluindo usar meios militares para atingir o objetivo, se necessário. *Sputnik

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: