A marca destrutiva deixada pela onda de calor na Europa

Foto retirada de: (EFE)

Na Europa, a onda de calor continua a causar estragos. Por cinco semanas, as temperaturas sufocantes se intensificaram, deixando em seu rastro várias secas e mais de 1.800 mortes. 

Há duas semanas , o Reino Unido bateu seus recordes históricos três vezes no mesmo dia, chegando a 40,3°C, valor nunca registrado. Diante da situação, nesta sexta-feira, 12 de agosto, o governo britânico declarou ‘estado de seca’ em grande parte da Inglaterra, atingida pela onda de calor. 

Incêndios florestais na França, Grécia e Bélgica forçaram milhares de pessoas a deixar suas casas. De fato, a administração Emmanuel Macron emitiu alertas de calor extremo. Ao mesmo tempo, a Holanda também registrou temperaturas recordes para o mês de julho.

No entanto, as nações mais afetadas foram Espanha, Portugal e Alemanha. 

Na Espanha, as altas temperaturas não deram trégua durante todo o verão. A primeira onda de calor chegou no final da primavera, com os primeiros 42 graus do ano , e julho de 2022 foi o mês mais complicado em termos de estação quente. 

Segundo as autoridades ibéricas, “o atual episódio quente, que começou em 30 de julho, pode terminar em 14 ou 15 de agosto” . 

No caso de Portugal, o Governo registou nas últimas duas semanas um excesso de 1.069 óbitos acima da média habitual neste período. 

“As temperaturas extremas, como as que têm ocorrido nos últimos dias (máximas e mínimas), têm um conhecido potencial impacto na saúde, em consequência de desidratação, descompensação ou doenças crónicas, entre outros fatores”, acrescentou o Governo de Portugal.

Na Alemanha, o Serviço Meteorológico confirmou que “nas últimas três semanas algumas regiões do oeste do país ultrapassaram os 39,7 graus”.

Nesse sentido, de dentro do governo de Olaf Scholz, transpirou que “a crise climática custou à Alemanha mais de 80.000 milhões de euros em danos causados ​​pelo clima extremo”. *NTN24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: