União Europeia chega a acordo para reduzir consumo de gás em 15%

© Shutterstock

Em resposta a mais um corte drástico nas entregas de gás pela Gazprom, a União Europeia chegou a um acordo esta terça-feira, para a redução voluntária do consumo de gás em 15% até ao inverno. © Shutterstock

Este acordo surge no momento em que a Gazprom anunciou esta segunda-feira um novo corte do fornecimento de gás para a Europa pela metade, menos de uma semana após a reabertura do gasoduto Nord Stream 1.

O comunicado explica que se trata de uma medida excepcional e extraordinária, prevista para durar pelo menos um ano. O regulamento estará sujeito a revisões no decorrer do tempo.

Para chegar a acordo, o bloco teve de abrir algumas excepções para três estados insulares, Chipre, Irlanda e Malta, pois não estão conectados ao sistema de gasodutos do continente. Portugal, Espanha e Grécia também beneficiarão de uma isenção parcial, devido à seca que impede a utilização da hidroelectricidade, uma vez que os níveis de água dos reservatórios estão no seu ponto mais baixo.

Para justificar o novo corte do fornecimento de gás pelo seu país, o porta-voz do Kremlin, Dmitri Peskov, disse que a turbina que estava retida no Canadá ainda não chegou, e que uma outra está com defeitos.

Porém, Berlim que é particularmente dependente do gás russo, rebateu dizendo tratar-se de um pretexto e de uma decisão política.

Refira-se que a Ucrânia acaba de receber material bélico da Alemanha, nomeadamente blindados, esta sendo a segunda vez que Berlim entrega armas pesadas a Kiev desde Junho. *RFI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: