“A América Latina será vítima até se libertar do imperialismo”: Papa Francisco

Foto da EFE

Por meio de uma entrevista concedida à rede de notícias argentina Télam, o Papa Francisco emitiu algumas declarações políticas controversas sobre a América Latina.

“A América Latina será uma vítima até que se liberte do imperialismo explorador”, disse o padre.

Embora o líder máximo da Igreja Católica tenha evitado mencionar os “exploradores”, acrescentou: “são tão óbvios que todos os veem. Da periferia, deve-se realizar o sonho de unidade de San Martín e Bolívar”.

Para Francisco, a região latino-americana “tem o desafio de construir a unidade a partir daí e se libertar do imperialismo, pois ainda está nesse lento caminho de luta”.

Acrescente-se que o Sumo Pontífice de 85 anos, nascido na Argentina, tornou-se o primeiro Papa latino-americano em 13 de março de 2013 e desde então não retornou ao seu país de origem, no entanto, visitou destinos como: Brasil, Equador, Bolívia, Paraguai, Cuba, México e Colômbia. *NTN24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: