Ucrânia: combates no terreno continuam

No sul e leste da Ucrânia, continuam os intensos combates entre russos e ucranianos. As forças ucranianas disseram ontem que bombardearam posições russas ao sul de Kherson. Zelensky defende que “a Rússia quer destruir todas as cidades do Donbass”.

O epicentro da guerra continua a ser Severodonetsk, cidade estratégica no leste do país. Os combates concentram-se agora na zona industrial e nos arredores da cidade, principalmente perto da fábrica química Azot, onde se encontram várias pessoas barricadas. Zelensky já disse mesmo que esta cidade é decisiva para o “destino da região do Donbass“.

O Presidente ucraniano também revelou hoje que a Ucrânia já perdeu 10 mil soldados em combate desde o início da guerra.

Rússia promete resposta a reforço da NATO na Polônia

Nove países europeus (Estónia, Bulgária, Lituânia, Letónia, Polônia, República Checa, Romênia e Eslováquia) reivindicaram ontem um reforço da NATO no flanco leste da Europa.

Moscou já disse, este sábado, que iria responder de forma “proporcional” ao reforço das forças da NATO na Polônia, de acordo com a agência russa Interfax.

A resposta, como sempre, será proporcional e adequada, com vista a neutralizar potenciais ameaças à segurança da Federação Russa“, disse Oleg Tyapkin, representante russo. *Informações RFI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: