Ucrânia: Civis começam a ser evacuados

Ucrânia: Civis começam a ser evacuados

A Rússia anunciou o estabelecimento de um cessar-fogo local em várias cidades ucranianas esta terça-feira, 8 de Março, para permitir a evacuação de civis por corredores humanitários.

Os civis começaram a ser evacuados na manhã desta terça-feira da cidade de Sumy, perto da fronteira russo-ucraniana, numa nova tentativa de estabelecer corredores humanitários para evacuar os moradores presos pelos bombardeamentos russos de cidades ucranianas.

Os ataques aéreos à cidade de Sumy, a cerca de 350 quilômetros a nordeste de Kyiv, fizeram 21 vítimas mortais, incluindo duas crianças, na noite de segunda-feira, segundo os serviços de emergência ucranianos.

As autoridades ucranianas, que na segunda-feira recusaram as evacuações para a Rússia e a Bielorrússia propostas por Moscovo, confirmaram que um corredor humanitário foi criado em Sumy.

O exército russo decretou ontem o estabelecimento de corredores humanitários para evacuar civis das cidades ucranianas de Kharkhiv, Kyiv, Mariupol, Cherniguiv . 

“A guerra com a Rússia não será só com a Ucrânia”

Ao décimo terceiro dia da ofensiva militar russa, o  Presidente ucraniano anunciou a retirada das forças de manutenção da paz ucranianas envolvidas em missões da ONU para que possam juntar-se à defesa do país. 

Em entrevista ao canal de televisão ABC World News, Volodymyr Zelenskiy alertou os países do Ocidente de que “a guerra com a Rússia não será só com a Ucrânia”. O chefe de Estado ucraniano voltou a pedir aos Estados Unidos e à NATO que protejam os céus da Ucrânia. 

O ministro da Defesa britânico, Ben Wallace, disse que o Reino Unido apoiaria a Polónia se ela decidisse fornecer caças à Ucrânia, alertando que poderia colocar o país “na linha directa de fogo”. A Polónia já veio dizer que não tem planos para enviar para a Ucrânia aviões caça ou pilotos militares, fora do âmbito da NATO,

O Presidente ucraniano dirige-se esta tarde aos parlamentares britânicos por videolink, será a primeira vez que um presidente de outro país se dirige à Câmara dos Comuns. 

A ofensiva militar russa na Ucrânia já fez mais de 2.000 mortos e 2 milhões de ucranianos fugiram do país, de acordo com a ONU. *RFI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: