Colômbia chega a acordo com Rússia para evitar desvio de ajuda militar à Venezuela

A Colômbia conseguiu nesta segunda-feira um compromisso do governo russo de evitar que a assistência militar daquele país à Venezuela acabe nas mãos dos grupos armados que operam na conturbada fronteira comum. 

A reunião foi acordada depois que a delegação russa classificou como “irresponsáveis” declarações nas quais o ministro da Defesa colombiano, Diego Molano, acusou Moscou de “interferência estrangeira” na linha de fronteira devido à sua assistência militar à Venezuela. 

“O embaixador russo nos disse que nenhuma cooperação militar da Rússia com a Venezuela jamais será usada para ação militar contra a Colômbia ou em qualquer país latino-americano”, disse a vice-presidente e ministra das Relações Exteriores Marta Lucía Ramírez.

Após uma reunião com o representante do Kremlin em Bogotá, Nikolay Tavdumadze, ele assegurou que “o ministro da Defesa assegurou que suas palavras sobre a interferência nas relações colombianas foram distorcidas”, mas que a situação já foi esclarecida.

Durante a reunião, “o embaixador afirmou que a cooperação russa não está de forma alguma interessada em afetar outro país”, acrescentou o chefe da pasta de Defesa.  *NTN24 / AFP

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: