Novas sanções da UE contra a Nicarágua incluem filhos e conselheiros de Daniel Ortega

Novas sanções da UE contra a Nicarágua incluem filhos e conselheiros de Daniel Ortega

O Conselho Europeu (CE) anunciou nesta segunda-feira a inclusão de sete funcionários da Nicarágua na lista de sanções.

Entre os incluídos na lista sancionada estão Camila Ortega Murillo e Laureano Ortega Murillo, filhos do casal presidencial e que atuam como seus conselheiros. Camila também é diretora da rede de televisão Canal 13.

Por meio de um comunicado, o Conselho notificou que os sancionados “são responsáveis ​​por graves violações de direitos humanos, incluindo a repressão à sociedade civil”.

São também punidos por “apoiar as eleições presidenciais e parlamentares fraudulentas e o enfraquecimento da democracia e do Estado de direito”, recordando que Ortega assumiu o seu quarto mandato presidencial esta segunda-feira.

A União Européia considera que a Nicarágua é governada por um “regime autocrático” e que as eleições realizadas em novembro passado naquele país careciam de legitimidade.

Também estão entre os punidos a presidente do Conselho Supremo Eleitoral, Brenda Rocha Chacón, e seu vice-presidente, Cairo Amador Arrieta.

Nahima Díaz, diretora do Instituto Nicaraguense de Telecomunicações e Serviços Postais, também foi alvo de sanções, assim como Lumberto Campbell, funcionário do Conselho Eleitoral.

A lista se completa com Luis Montenegro Espinoza, da Superintendência de Bancos.

O Conselho também incluiu na lista de sanções a Polícia Nacional da Nicarágua, o Conselho Supremo Eleitoral e o Instituto de Telecomunicações. *Informações NTN24 / AFP 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: