Unicef denuncia detenção de menores pela ditadura cubana

Unicef denuncia detenção de menores pela ditadura cubana

Desde o início dos protestos espontâneos em Cuba, em 11 de julho, o regime que governa a ilha prendeu 45 menores, dos quais 30 já foram libertados e outros 15 permanecem nas masmorras da ditadura.

Diferentes organizações de direitos humanos denunciaram que até 13 crianças enfrentam penas severas de mais de 10 anos de prisão.

Nas redes sociais, ativistas locais e internacionais exigem justiça para si mesmos com a hashtag # LibertadParaLosNiñosDel11J.

Já o Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) denunciou os “supostos casos de detenções de crianças registrados em Cuba” após o surto social.

Esta é a primeira declaração feita publicamente por uma agência da ONU a esse respeito, em meio a fortes demandas da sociedade civil independente cubana. *Informações NTN24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: