Centro para perpetuar o pensamento de Fidel Castro inaugurado em Cuba

Centro para perpetuar o pensamento de Fidel Castro inaugurado em Cuba

Cuba inaugurou na quinta-feira (25) um centro de preservação da obra e do pensamento de Fidel Castro, no quinto aniversário de sua morte, reunindo centenas de estudantes na escadaria da Universidade de Havana, sob forte chuva para lembrar seu líder com música, dança e palavras.

Castro (1926-2016) liderou a revolução contra a ditadura de Fulgencio Batista, que triunfou em 1959 para estabelecer um regime socialista que ainda perdura, sob a presidência de Díaz-Canel.

Ele adoeceu em 2006, entregando o poder a seu irmão Raúl, atualmente aposentado aos 90 anos, e faleceu em 25 de novembro de 2016, após uma convalescença de 10 anos.

Um mês após sua morte, o Parlamento cubano aprovou a Lei 123 que proíbe o uso de seu nome “para nomear instituições, praças, parques, avenidas, ruas e outros locais públicos, bem como qualquer tipo de decoração, reconhecimento ou título honorário”

Nem pode “sua figura ser usada para erigir monumentos, bustos, estátuas, placas comemorativas e outras formas semelhantes de homenagem”.

Cumprindo o desejo de Fidel, em Cuba não existem estátuas, nem ruas ou parques em sua homenagem, embora sua imagem esteja presente no país de várias maneiras. *Informações NTN24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: