Tribunal Nacional Espanhol confirma extradição da enfermeira de Chávez para os Estados Unidos.

Tribunal Nacional Espanhol confirma extradição da enfermeira de Chávez para os Estados Unidos.

O Tribunal Nacional da Espanha confirmou a extradição para os Estados Unidos da ex-tesoureira nacional da Venezuela, Claudia Patricia Díaz Guillén, por crimes de lavagem de dinheiro e organização criminosa por ter favorecido o empresário Raúl Gorrín em um plano de câmbio de moeda estrangeira que relatou lucros de centenas de milhões de dólares.
 

O Plenário da Câmara Criminal negou provimento ao recurso de apelação interposto por Díaz Guillén contra o despacho da Terceira Seção que concordou com sua prolação, alegando que o princípio da dupla incriminação coincide com os fatos que a justiça norte-americana atribui ao demandado.
 
De acordo com o pedido de extradição, o arguido, para ocultar os pagamentos que permitiam a Raúl Gorrín efetuar operações de câmbio em moeda estrangeira para o Governo venezuelano e obter uma vantagem indevida na aquisição do direito de efetuar as referidas operações de câmbio, utilizou contas bancárias cujos proprietários eram empresas fictícias “e numerosos pagamentos de subornos foram disfarçados em benefício de Claudia Patricia Díaz Guillén”, que fazia pagamentos ao marido.
 
O despacho acrescenta que o mascaramento dos valores repassados ​​por meio de empresas fictícias é o que implica na lavagem do dinheiro do suborno de Claudia Patricia Díaz Guillén. *NTN24

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: