Parceria Econômica Regional Abrangente entra em vigor em janeiro com Japão e China, mas sem EUA

Entra em vigor em janeiro a Parceria Econômica Regional Abrangente (RCEP), acordo de livre-comércio do qual participam 15 países da região da Ásia e do Pacífico.

O pacto foi assinado em novembro do ano passado por Japão, China, Coreia do Sul, Austrália e Nova Zelândia, assim como pelos dez países que integram a Associação de Nações do Sudeste Asiático (Asean).

O Ministério dos Negócios Estrangeiros do Japão anunciou oficialmente que a parceria vai entrar em vigor em 1º de janeiro. A data foi definida depois que a Austrália e a Nova Zelândia notificaram a conclusão de procedimentos internos à secretaria da Asean.

A RCEP, que abrange cerca de 30% da população e do PIB mundiais, deverá eliminar tarifas alfandegárias sobre mais de 90% das mercadorias.

A expectativa é de que o Japão obtenha grandes vantagens com o acordo. No entanto, o país terá de formular estratégias para que as regras e a ordem internacionais sejam mantidas no novo esquema.

Há esperanças de que a Parceria Econômica Regional Abrangente ajude a tirar o Japão da retração econômica causada pela crise do coronavírus. Contudo, os Estados Unidos não integram o bloco. Segundo um ponto de vista, a ausência da maior economia mundial servirá para elevar o papel e a influência da China. A Índia, outra potência asiática, participou inicialmente das negociações, mas acabou se abstendo de firmar o pacto.

A RCEP será o primeiro acordo de livre-comércio do Japão com a China, o seu maior parceiro comercial. *NHK

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: