Antônio Guterres espera que a COP26 “salve a humanidade”

Antônio Guterres espera que a COP26 “salve a humanidade”

O secretário-geral da ONU, António Guterres, pediu, esta segunda-feira, em Glasgow, na Escócia, que a COP26 “salve a humanidade”, confrontada com as mudanças climáticas.

Diante de dezenas de dirigentes mundiais, presentes em Glasgow, na Escócio, António Guterres pediu que a COP26 “salve a humanidade”, confrontada com as mudanças climáticas.

“É tempo de dizer Chega. Chega de agredir a biodiversidade. É preciso deixar de tratar a natureza como se fosse lixo, estamos a cavar a nossa própria sepultura”, denunciou, secretário-geral da ONU.

“Antes de continuar a lapidar o planeta, vamos antes escolher o nosso futuro e vamos salvar a humanidade”, defendeu António Guterres.

O secretário-geral da ONU considera que a dependência nos combustíveis fósseis está a conduzir a humanidade  ” à beira do precipício”.

O responsável pelas Nações Unidas evidenciou que os países do G20 têm uma responsabilidade acrescida neste processo, uma vez que são responsáveis por 80 por cento das emissões.

Os países desenvolvidos e as economias emergentes devem construir coligações capazes de criar as condições financeiras e tecnológicas para acelerar a descarbonização da economia e a eliminação do carvão”, lembrou Guterres.

Para os estados insulares em particular, ameaçados pela elevação do nível do mar, o fracasso da COP26  representa “uma sentença de morte”.

A Cimeira do Clima das Nações Unidas recebe esta segunda-feira os líderes mundiais e as propostas de cada país para combater as alterações climáticas. Esperam-se prazos concretos e metas mais ambiciosas na luta contra o aquecimento global, seis anos depois do Acordo de Paris. *RFI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: