Membros das Nações Unidas estão divididos a respeito de questão de direitos humanos na China

Membros das Nações Unidas estão divididos a respeito de questão de direitos humanos na China

Países ocidentais e em desenvolvimento emitiram duas declarações conjuntas contrárias, relacionadas a direitos humanos na Região Autônoma de Xinjiang Uygur, na China, durante uma reunião do comitê de direitos humanos da Assembleia Geral da ONU.

Numa das declarações, emitida na quinta-feira (21), um total de 43 países, em sua maioria do Ocidente, como os Estados Unidos, mas incluindo também o Japão, manifestaram preocupações sobre direitos humanos na região.

O embaixador da França na ONU, Nicolas de Riviere, leu a declaração em nome do grupo.

O documento cita relatos de violações sistemáticas e abrangentes de direitos humanos, incluindo tortura e violência, afirmando que as liberdades de religião e de expressão estariam severamente restringidas na região.

A declaração pede também que a China obedeça a lei internacional sobre proteção dos direitos humanos.

A outra declaração, assinada por 62 países, entre eles Cuba e outras nações em desenvolvimento, defende a China, afirmando que se opõem a ações que interfiram com os assuntos internos do país.

O embaixador da China nas Nações Unidas, Zhang Jun, disse que mais de 80 nações apoiam a China nesta declaração conjunta e em outras, acrescentando que os Estados Unidos tentaram difamar seu país a respeito de seu histórico de direitos humanos, mas que, mais uma vez, não conseguiram fazê-lo. *NHK

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: