Merck desenvolve medicamento oral que pode reduzir o risco de agravamento ou morte por Covid-19

A farmacêutica americana Merck anunciou ter desenvolvido um medicamento oral contra o coronavírus, que pode reduzir o risco de agravamento ou morte em pacientes em até 50 por cento.

O remédio é denominado molnupiravir. Segundo funcionários da Merck, o medicamento se destina às pessoas que foram infectadas e que apresentam sintomas, e é eficaz contra todas as variantes, incluindo a Delta.

Pesquisadores testaram a droga em cerca de 760 pacientes com sintomas leves ou moderados. Todos eles tinham pelo menos um fator de risco que os tornava mais suscetíveis ao agravamento do quadro.

Os pesquisadores descobriram que somente 7 por cento das pessoas que tomaram o medicamento foram hospitalizados, e não houve morte. Contudo, 14 por cento dos pacientes que tomaram um placebo foram internados ou morreram.

O CEO da Merck, Rob Davis, declarou que o molnupiravir é importante por ser o primeiro antiviral oral que estará disponível no combate à Covid-19.

Funcionários da farmacêutica afirmam que vão pedir a órgãos reguladores que autorizem o medicamento para uso emergencial nos Estados Unidos o mais cedo possível. As empresas concorrentes Pfizer e Roche Holding também estão se empenhando para desenvolver seus medicamentos orais. *NHK

Categorias:Internacional

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.