A “Flotilha pela liberdade de Cuba” parte hoje de Miami com destino a águas internacionais

A chamada “Flotilha pela liberdade de Cuba” saiu hoje de Miami rumo a águas internacionais próximas à ilha para mostrar sua solidariedade aos protestos ocorridos nas últimas semanas contra o regime de Miguel Díaz-Canel.

As embarcações permanecerão a quilômetros da costa cubana até o pôr do sol, quando farão o lançamento de sinalizadores e fogos de artifício. 

Os Estados Unidos impuseram sanções financeiras ao ministro da Defesa cubano, Álvaro López Miera, e a uma unidade anti-motim na quinta-feira pela “repressão” das recentes manifestações populares na ilha.

Mas o chanceler cubano, Bruno Rodríguez, garantiu que “aqui não houve um ato de repressão contra o povo cubano porque não houve um surto social”.

A sanção, disse o chanceler em entrevista coletiva, é “irrelevante” porque “sei que esse ministro não tem contas em bancos norte-americanos e nunca me disse que tem interesse em passear em Miami” , mas é ” relevante para começar a partir de um envolvimento político agressivo. *NTN24

Categorias:Américas

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.