Itália proíbe grandes cruzeiros no centro de Veneza

Após anos de debates ambientais e políticos, e apelos locais e internacionais, governo italiano decide barrar navios turísticos de maior porte. Unesco cogitava declarar cidade na Laguna de Veneza “patrimônio ameaçado”.

Grandes navios de cruzeiro ficarão proibidos de se aproximar do centro de Veneza a partir de 1º de agosto de 2021. O anúncio, feito pelo governo da Itália nesta terça-feira (13/07), chega após anos de advertências de que as embarcações turísticas causam dano irreparável à cidade histórica.

A decisão precede de alguns dias uma conferência da organização cultural das Nações Unidas, Unesco, que cogitava incluir a localidade situada numa laguna do Mar Adriático na lista de Patrimônios da Humanidade ameaçados.

“O decreto representa um importante passo para a proteção do sistema da Laguna de Veneza”, comentou o primeiro-ministro da Itália, Mario Draghi, após a aprovação pelo gabinete em Roma, ressaltando que haverá compensação financeira para o impacto nos empregos. Os passageiros a bordo dos cruzeiros representam um importante pilar econômico para a cidade. *Informações DW

Categorias:Europa, Meio ambiente

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.