Governo Trump diz que Huawei e Hikvision são apoiadas por Exército chinês

WASHINGTON (Reuters) – O governo dos Estados Unidos concluiu que grandes companhias chinesas, como a gigante de equipamentos de telecomunicações Huawei e a empresa de vigilância por vídeo Hikvision, são controladas ou detidas pelo Exército chinês, e passou a preparar novas sanções financeiras, segundo um documento visto pela Reuters nesta quarta-feira.

Um oficial de defesa dos EUA, falando sob condição de anonimato, confirmou a autenticidade do documento, que foi enviado ao Congresso.

A lista de 20 empresas que Washington alega serem apoiadas pelo Exército Popular de Libertação também inclui as operadoras de telefonia China Mobile e China Telecommunications, bem como o fabricante de aeronaves Aviation Industry da China.

As designações do Pentágono não desencadeiam sanções, mas a lei diz que o presidente pode declarar uma emergência nacional que permitiria penalizar empresas da lista que operem nos EUA.

Huawei, Hikvision, China Mobile, China Telecom, Avic, Casa Branca e embaixada chinesa em Washington não responderam imediatamente aos pedidos de comentários.

O Pentágono havia sido pressionado por legisladores republicanos e democratas para publicar a lista, em meio às crescentes tensões entre Washington e Pequim sobre tecnologia, comércio e política externa.

Em setembro passado, o principal senador democrata dos EUA, Chuck Schumer, e republicano Tom Cotton escreveram carta ao secretário de Defesa, Mark Esper, levantando preocupações sobre o recrutamento de empresas chinesas por parte de Pequim para aproveitar tecnologias civis emergentes para fins militares.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.